terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Árvores à venda!

Escrito por: Flávio



O que você acha ser possível comprar pela internet? Livros, geladeiras, máquinas de lavar?


O comércio eletrônico tem crescido em ritmo acelerado e isso se deve em grande parte à comodidade, ao menor custo e também à variedade de produtos disponíveis na rede. No Brasil, estima-se que, até o ano passado, cerca de 18 milhões de pessoas já fizeram compras pela internet ao menos uma vez. Isso significa que ainda há um mercado muito grande a ser conquistado no país. Mesmo assim, somente em 2009, o comércio virtual rendeu quase R$ 5 bilhões.


E não falta criatividade para as vendas online se expandirem. Você sabia, por exemplo, que é possível comprar sementes e mudas de árvores nativas pela internet? O Instituto Brasileiro de Florestas (IBF), através do site www.clickmudas.com.br, disponibiliza cerca de 300 espécies de mudas; 200 sementes nativas; 300 sementes de hortaliças e 150 bulbos (flores).


Além disso, é possível encontrar no Click Mudas - o maior site de venda de mudas do país - fertilizantes e defensivos para plantas, vasos, mudas cítricas e brancas, livros sobre árvores nativas e exóticas e brindes ecológicos. Em breve, o portal ampliará seu portfólio com mudas ornamentais, bonsais, ferramentas para plantio e outros utensílios. Com pedidos de todo o país, o Click Mudas alcança um volume de vendas na casa dos R$ 80.000,00 mensais.



Entre as principais vantagens de se comprar pela internet, destaca-se o baixo custo do produto, já que não há intermediários entre o fornecedor e o consumidor. Além disso, a rede também permite que o consumidor realize pesquisas de preço e qualidade antes da compra. Tudo isso sem precisar sair de casa, a qualquer hora do dia, qualquer dia da semana. Ou seja, o comércio virtual oferece comodidade, variedade, garantia e eficiência.


Um dos pontos de desconfiança para compras eletrônicas é em relação ao pagamento online. No entanto, especialistas afirmam que, atualmente, há diversas formas de garantir a privacidade das informações do consumidor e a segurança da compra. Além disso, o Código de Proteção e Defesa do Consumidor já estabelece os direitos para o comércio online.


Comprar pela internet já está virando uma prática. Experimente você também!


Postar um comentário