domingo, 15 de novembro de 2009

POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE - MOMENTO HISTÓRICO





MOMENTOS HISTÓRICOS DO PRIMEIRO ENCONTRO DE POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE-CAPITAL DAS ALTEROSAS E DAS MINAS GERAIS-11, 12, 13,14. AGRADECIMENTOS.

DIVULGAÇÃO POR JOÃO DRUMMOND-CÔNSUL POETA DEL MUNDO EM SETE LAGOAS-MINAS GERAIS QUE ESTEVE PRESENTE EM OITO PROGRAMAÇÕES ESPECÍFICAS.

Momento Histórico do Movimento

A Entidade líterocultural Poetas Del Mundo
promoveu entre os dias 11/12/13/14 de novembro de 2009,
o Primeiro Encontro de Poetas Del Mundo de Belo Horizonte.

O evento teve a coordenação de Silvia de Andrade Motta escritora e poeta. (Anfitriã Cônsul Poeta Del Mundo para a cidade de Belo Horizonte, Embaixadora Universal da Paz/Brasil/France/Suisse)

O credenciamento dos cônsules e poetas aconteceu dia 11/11 no Palácio das Artes (subsolo), que logo após foram agraciados com um espetáculo internacional no auditório do Palácio das Artes com a banda Nil Lus.
O espetáculo teve também um duplo lançamento: Romance com trilha sonora e CD gravado ao vivo no Montreux Jazz Festival – Suíça.
Nil Lus além de cantor e compositor é também cônsul de Poetas Del Mundo na Alemanha.

O Evento teve seqüência no dia 12/11, com uma sessão solene de homenagens
na Academia Mineira de Letras.
A sessão teve a presença de figuras ilustres:
O FUNDADOR-Secretario-Geral-MUNDIAL de Poetas Del Mundo – Luiz Ariaz Manzo. (Chile)

A Embaixadora de Poetas Del Mundo no Brasil e Subsecretaria para as Américas - Deslanieve Daspet.

O Cônsul de Poetas Del Mundo na França – Diva Pavesi

O Cônsul de Poetas Del Mundo em LUBECK, na Alemanha – Nil Lus.

A Cônsul de Poetas Del de Minas Gerais – Bilá Bernardes

O Cronista de Poetas Del Mundo no Brasil: Dr. Nelson Vieira de Souza, de Mato Grosso do Sul.

O Jornalista Chileno de Poetas Del Mundo (América do Sul) David Altamirano Hernandez,
além de cônsules de zonas da Grande Belo Horizonte e de outras cidades mineiras.

Sete Lagoas se fez representar pelo cônsul João Drummond.

Aluísio Pimenta representou o governador Aécio Neves.

José Maria Rabelo representou o presidente da Academia Mineira de Letras Murilo Badaró.

A vereadora Maria Lucia Scarpelli representou a Câmara de Vereadores de Belo Horizonte.

O Coral Libertas do Palácio da Liberdade abrilhantou o evento cantando o Hino Nacional Brasileiro.

O Hino do Chile foi tocado em homenagem aos irmãos poetas daquele País.

Luiz Ariaz Manzo encerrou a sessão com uma breve fala sobre a necessidade dos poetas se manterem firmes em seus propósitos de trabalhar a poesia como instrumento de paz e humanidade.
Entende a poesia como o instrumento para se derrubar os muros de exclusão e preconceitos que separam pessoas e povos.
Lembrou a importância dos cônsules e poetas se manterem humildes e simples em sua missão e não se deixarem seduzir pelo "canto da sereia" ou armadilhas dos egos. O foco de Poetas Del Mundo são as pessoas em situação de risco e ameaçadas em sua dignidade e segurança.

À tarde, na Associação Mineira de Imprensa, a cônsul de Poetas Del Mundo na França, Diva Pavesi brindou os Poetas Del Mundo e convidados com uma bela palestra lembrando o Ano da França no Brasil.

À noite os Poetas Del Mundo foram recebidos por Norma de Souza, no Museu de Arte e Cultura e Casa da Luz e Poesia.

O Evento histórico teve seqüência no dia 13 de novembro com plantio de uma muda de Pau-Brasil oferecida pelo Governo de Minas, representado pela Curadora do Palácio da Liberdade, Conceição Piló. O capineiro Edison Ramon de Jesus Gomes, funcionário do Parque Municipal de Belo Horizonte foi o responsável pela preparação do terreno e plantio , para marcar o "PRIMEIRO ENCONTRO DE POETAS DEL MUNDO EM BELO HORIZONTE-CAPITAL DAS ALTEROSAS E DAS MINAS GERAIS."

Prosseguiu com caminhada e visita à Exposição Galeria da Árvore & Recital Sementes de Poesia – MUNAP: Museu Nacional de Poesia, especial para Poetas Del Mundo no Parque Municipal, organizado pela Curadora Poeta Del Mundo Regina Mello.

Continua... . Comentário de Sílvia Araújo Motta 2 horas atrás Continuação:

À tarde teve passeio à Praça da Liberdade, caminhada pela Paz e pela Vida e visita ao Palácio da Liberdade,
com a presença do GRUPO FOLCLÓRICO BOI ROSADO, de Guimarães Rosa.

À noite o evento teve seu encerramento em Belo Horizonte no Espaço Mix Cultural Líber Livros na Av. Getulio Vargas na Savassi, organizado por Poetas Del Mundo, Ana Cruz e Jaak Bosmans.

No dia 14 de novembro Poetas Del Mundo seguiu para um passeio a Ouro Preto. Os Embaixadores, Cônsules e Poetas Del Mundo foram recepcionados, pelo Ministro Interino da Cultura, Ângelo Oswaldo de Araújo Santos, Prefeito da Cidade, com atenção especial ao grupo.

Após o evento será formado um grupo para redigir a Carta - Manifesto abordando temas da PAZ – MEIO AMBIENTE – SOLIDARIEDADE ENTRE OS POVOS – VIOLÊNCIA – FOME – POESIA. Os nomes serão apresentados pela Organização do Evento e a Carta – Manifesto deverá ser entregues em até 15 dias após a data do encerramento.

A sede de Poetas Del Mundo na capital mineira passará a funcionar provisoriamente na AMI – Associação Mineira de Imprensa, à Rua da Bahia 1450, no prédio ao lado da Academia Mineira de Letras, com reuniões quinzenais.

Deslanieve Daspet declarou durante o evento, que Poetas Del Mundo forma hoje uma Nação irmanada na poesia, e cujo Chefe de Estado é o poeta chileno Luis Ariaz Manzo. Há uma previsão de se formar um corpo diplomático nacional para coordenar todas nas ações de Poetas Del Mundo no Brasil e no mundo.

O Brasil é país de destaque no movimento contribuindo com o maior numero de poetas.

João Drummond
Cônsul de Poetas Del Mundo Em Sete Lagoas - MG

--
Postado por J. B. Drummond no RUMO CULTURAL/ POÉTICAS em 11/15/2009 02:27:00 AM

Postar um comentário