sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Lançamento de livro no Centro Cultural de Contagem

Então, é hoje - 21 de novembro - o coquetel de lançamento do livro do poeta José Adão.
Muito se tem falado sobre a ausência de demanda para a poesia em Contagem ou em qualquer outra cidade de Minas.
Em clima de fim de ano pouquíssimas pessoas falam em presentear outras com livros. De poemas, nem pensar...
Penso que chegamos a um ponto em que publicar alguma coisa chega a ser um ato de resistência. Antes, guardar os escritos na gaveta era uma atitude heróica, romântica. Hoje resistir é publicar, publicar em qualquer suporte com ou sem o aval da maximídia ou dos possíveis amigos que você tenha na Imprensa para publicar uma notinha acerca daquilo que você escreveu.
Numa cidade como Contagem, a publicação de livros deveria fazer parte da agenda cultural mensal ao longo de um ano. Mas há aquele fantasma da falta de tradição e demanda. Daí publicar é um ato de heroismo.
Viva José Adão, o nosso herói de hoje.

Postar um comentário